domingo, 31 de março de 2013

DEPUTADO PR.MARCO FELICIANO! Não a renúncia.

É um absurdo o que está acontecendo constantemente na câmara dos deputados, o deputado eleito Pr. Marco Feliciano desde que assumiu o cargo de presidente da comissão de direitos humanos ainda não conseguiu realizar uma reunião de portas abertas, pois é alvo de constantes ataques de pessoas intolerantes a opiniões alheias.
 

Todos nós somos dotados de personalidade, cada uma tem a sua, cada um opina de maneira que quer, respeitando lógico a opinião e o caráter do próximo. Mas porque não estão respeitando a opinião do Pr. Marco Feliciano? Mesmo que poucos não achem correto ele ser contra o casamento de pessoas do mesmo gênero, devem respeitar a opinião do mesmo. 

Por que assim como ele não aprova essa prática muitos brasileiros também não aprovam.
Será que o direito do Pr Marco Feliciano está sendo respeitado também? Não deixar o mesmo realizar as reuniões e ser alvo de constantes protestos desrespeitosos e até mesmo agressões verbais é um direito que os ativistas têm? Já estão passando dos limites. Se vocês acham que estão no direito de protestar, tudo bem, que protestem, mas sem ferir o direito do Pr. Marco Feliciano realizar suas atividades como deputado eleito para representar a população.
 

Com todos esses acontecimentos de intolerância as opiniões alheias cada vez mais eu torço para que o Dep. Marco Feliciano não renuncie, e cumpra o mandato por completo como assim lhe compete, pois para isso ele foi eleito.

2 comentários:

  1. Parabéns! Janílson, essa matéria ficou demais. Bom seria se tivesse mais comentário.
    É um absurdo quando ouvimos uma discussão saindo da boca de evangélicos sobre homossexualidade, o assunto é visto como homofobia, porém quando é discutido por qualquer pessoa que não é evangélico é encarado numa boa.
    Todos tem o direito de opinar, e todos tem opiniões diferentes. Já pensou se todos tivessem a mesma forma de opiniões?
    Fico me perguntando, Será que os evangélicos não estão sendo alvo de homofobia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Amigo(a) pelo comentário, continue lendo e comentando as nossas matérias. Concordando ou discordando é assim que se faz uma democracia saudável.

      Excluir