domingo, 4 de novembro de 2012

NOVAS OPORTUIDADES NO BRASIL! "Técnicos em Açúcar e Álcool"



O Técnico em Açúcar e Álcool é o profissional que atua como elemento de ligação entre o Químico ou Engenheiro Químico e os operadores de produção das usinas sucroalcooleiras. Basicamente, trabalha no controle e na supervisão dos processos tecnológicos da produção de açúcar e álcool e subprodutos. “Ele efetua análise físico-química de amostras de matéria-prima e produtos nas etapas dos processos de industrialização da cana-de-açúcar, faz o controle de qualidade dos processos, aplica as normas internacionais e nacionais seguidas pela empresa, respeita os padrões de higiene e segurança do trabalho e preservação ambiental, além de coordenar programas e procedimentos de segurança e análise de riscos nos processos industriais.

De acordo com o educador, o Técnico em Açúcar e Álcool pode atuar em usinas de açúcar e álcool, destilarias de álcool, cervejarias, empresas distribuidoras de combustíveis, cooperativas de plantadores de cana-de-açúcar, laboratórios de pesquisas, indústrias químicas e afins. “As áreas mais promissoras são as de produção sucroalcooleira, de controle de processos agroindustriais, supervisão de setores produtivos, de analista de laboratório e manutenção de equipamentos”.

O curso Técnico em Açúcar e Álcool, ministrado tem duração de dois anos, dividido em módulos. O estudante dessa área terá contato com disciplinas, tais como: Microbiologia básica e aplicada, Tecnologia e meio ambiente, Química I e II, Sociologia do trabalho, inglês instrumental entre tantas outras.

“O aluno que quer atuar nessa área deverá ter afinidades com a área química. Ele realizará análises físico-químicas em diversas fases do processo, utilizando aparelhos e instrumentos adequados. Também fará a operação de máquinas e equipamentos”, ressalta o professor Lemos.

Para o educador, as perspectivas de aumento na exportação de açúcar e álcool ampliam o mercado de trabalho para quem atua no setor. “Há perspectivas de crescimento do setor a médio e longo prazo, com previsão de abertura de mais 40 usinas e destilarias no País”, aponta Lemos, lembrando que “a profissão é reconhecida e fiscalizada pelo Conselho Regional de Química, que se divide em regiões e emite uma carteira profissional para o Técnico, com registro da profissão”.
 fonte: http://jcconcursos.uol.com.br/Educacao/Noticiario/tecnico-em-acucar-e-alcool-3901

Nenhum comentário:

Postar um comentário