domingo, 4 de novembro de 2012

NOVAS OPORTUIDADES NO BRASIL! "Técnicos em Açúcar e Álcool"



O Técnico em Açúcar e Álcool é o profissional que atua como elemento de ligação entre o Químico ou Engenheiro Químico e os operadores de produção das usinas sucroalcooleiras. Basicamente, trabalha no controle e na supervisão dos processos tecnológicos da produção de açúcar e álcool e subprodutos. “Ele efetua análise físico-química de amostras de matéria-prima e produtos nas etapas dos processos de industrialização da cana-de-açúcar, faz o controle de qualidade dos processos, aplica as normas internacionais e nacionais seguidas pela empresa, respeita os padrões de higiene e segurança do trabalho e preservação ambiental, além de coordenar programas e procedimentos de segurança e análise de riscos nos processos industriais.

De acordo com o educador, o Técnico em Açúcar e Álcool pode atuar em usinas de açúcar e álcool, destilarias de álcool, cervejarias, empresas distribuidoras de combustíveis, cooperativas de plantadores de cana-de-açúcar, laboratórios de pesquisas, indústrias químicas e afins. “As áreas mais promissoras são as de produção sucroalcooleira, de controle de processos agroindustriais, supervisão de setores produtivos, de analista de laboratório e manutenção de equipamentos”.

O curso Técnico em Açúcar e Álcool, ministrado tem duração de dois anos, dividido em módulos. O estudante dessa área terá contato com disciplinas, tais como: Microbiologia básica e aplicada, Tecnologia e meio ambiente, Química I e II, Sociologia do trabalho, inglês instrumental entre tantas outras.

“O aluno que quer atuar nessa área deverá ter afinidades com a área química. Ele realizará análises físico-químicas em diversas fases do processo, utilizando aparelhos e instrumentos adequados. Também fará a operação de máquinas e equipamentos”, ressalta o professor Lemos.

Para o educador, as perspectivas de aumento na exportação de açúcar e álcool ampliam o mercado de trabalho para quem atua no setor. “Há perspectivas de crescimento do setor a médio e longo prazo, com previsão de abertura de mais 40 usinas e destilarias no País”, aponta Lemos, lembrando que “a profissão é reconhecida e fiscalizada pelo Conselho Regional de Química, que se divide em regiões e emite uma carteira profissional para o Técnico, com registro da profissão”.
 fonte: http://jcconcursos.uol.com.br/Educacao/Noticiario/tecnico-em-acucar-e-alcool-3901

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Joaquim Barbosa contra o MENSALÃO!


Joaquim Barbosa nasceu em Paracatu, noroeste de Minas Gerais. É o primogênito de oito filhos. Pai pedreiro e mãe dona de casa, passou a ser arrimo de família quando estes se separaram. Aos 16 anos foi sozinho para Brasília, arranjou emprego na gráfica do Correio Braziliense e terminou o segundo grau, sempre estudando em colégio público. Obteve seu bacharelado em Direito na Universidade de Brasília, onde, em seguida, obteve seu mestrado em Direito do Estado.
Assumiu em 2006 a relatoria da denúncia contra os acusados do mensalão feita pelo Procurador-Geral da República, Antonio Fernando de Souza. Durante o julgamento defendeu a aceitação das denúncias contra os quarenta réus do Mensalão, o que foi aceito pelo tribunal. O julgamento prossegue no Supremo, pelo menos até 2012, podendo até reverter o fato histórico de o STF, desde sua criação em 1824, nunca ter condenado nenhum político.
Em 22 de abril de 2009 o ministro Gilmar Mendes e o ministro Joaquim Barbosa discutiram na sessão plenária do tribunal. Barbosa, vocalizando a posição de considerável parte da opinião pública, acusou o presidente da Corte de estar "destruindo a credibilidade da Justiça brasileira" durante o julgamento de duas ações - referentes ao pagamento de previdência a servidores do Paraná e à prerrogativa de foro privilegiado. Barbosa foi categórico ao afirmar: "Vossa Excelência não está na rua; Vossa Excelência está na mídia, destruindo a credibilidade do Judiciário brasileiro". Disse ainda: "Vossa Excelência, quando se dirige a mim, não está falando com os seus capangas do Mato Grosso, ministro Gilmar". Mendes demandou respeito de Barbosa e encerrou a sessão. O episódio lembrou um de agosto de 2007 no qual Barbosa acusou Mendes de estar dando um "jeitinho", através da Questão de Ordem, que seria um "atalho para se obter um resultado inverso ao que foi atingido ontem". Neste debate eles já tinham utilizado a expressão "dar uma lição de moral" um contra o outro.
Realmente esse é um homem que o Brasil deve parar para ouvi-lo, pois o mesmo tem demonstrado força, dedicação e garra contra o maior desafio da história do Brasil que é a corrupção.

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

UM HOMEM QUE FEZ DO BRASIL UM PAÍS SÉRIO! Com certeza é o nosso maior Brasileiro de todos os tempos!


Imagina um país que em 40 anos teve 7 moedas diferentes, onde os preços dos produtos aumentavam todo dia e a inflação chegava a 30% ao mês. Esse era o Brasil no começo da década de 90, e quando FERNANDO HENRIQUE chegou ao palácio do planalto ele e sua equipe consolidou o PLANO REAL e mudaram a cara do país.
Com a inflação domada e a moeda estável o cidadão comum pôde cuidar de suas próprias contas, já era possível poupar, planejar a compra de um eletro doméstico e adquirir outros bens. Com a estabilidade econômica era à hora do sociólogo FHC por em práticas suas idéias  pra melhorar a vida dos brasileiros. Pela primeira vez o país viu projetos sociais darem frutos efetivos beneficiando 5 milhões de família baixa renda e servindo de modelo para outros governos. Mesmo as ações mais polêmicas do governo FHC trouxeram modernidade  pro nosso dia-a-dia, por exemplo a privatização da telefonia, antes poucos tinham telefones  em casa, hoje é até difícil achar alguém que não tenha telefone fixo ou celular.
Outro grande feito do presidente FERNADO HENRIQUE foi à conquista da instabilidade democrática, FHC fortaleceu instituições e ajudou a afastar qualquer ameaça golpista ou ditatorial. Ao final de seus oito anos de mandato Fernando Henrique entregou ao seu sucessor  as bases de um novo país, o sociólogo que criticava a dependência  ajudou o Brasil a encontrar novos caminhos para o futuro. “ O FHC CONSEGUIU FAZER DO BRASIL UM PAÍS SÉRIO”.

domingo, 24 de junho de 2012

CACHOEIRA DE ESCÂNDALOS NO BRASIL!

Cachoeira ficou conhecido em 2004 após divulgação de vídeo que o flagrou oferecendo propina a Waldomiro Diniz, ex-assessor de José Dirceu. O caso foi o primeiro escândalo de corrupção do governo Lula.
No relatório da operação, a Polícia Federal indiciou 82 pessoas, entre elas Cachoeira, sob diversas acusações, como corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica, evasão de divisas, peculato, contrabando, formação de quadrilha e violação de sigilo profissional, além da contravenção penal de exploração de jogo de azar.
As investigações apontaram que Cachoeira tinha contatos com os principais políticos de Goiás, entre os quais o governador Marconi Perillo (PSDB) e o senador Demóstenes Torres (DEM); claro que também tinha ligações com deputados como Jovair Arantes (PTB), Rubens Otoni (PT), dentre outros.
Demóstenes disse que “não há motivos” para se defender porque tinha relação de amizade, sem vínculo com as atividades de Cachoeira. Perillo negou envolvimento: “Temos um governo absolutamente correto, sério. Não há neste governo indício de solicitação de propina, de pedágios ou de desvio”.
O envolvimento com políticos não é tratado no relatório atual, pois essas informações têm que ser enviadas aos tribunais competentes para atuar no caso, como o Superior Tribunal de Justiça e o Supremo Tribunal Federal.

domingo, 10 de junho de 2012

SÓ NO BRASIL! "NÓS E OS OUTROS"

“Só no Brasil” — eis aí três palavras que todo brasileiro costuma ouvir, 365 dias por ano, a respeito de coisas que só acontecem por aqui, geralmente muito ruins, e que são desconhecidas no resto do mundo. Em geral começam como uma discreta trapaça no uso do dinheiro público, depois se transformam num hábito nacional e, no fim, acabam virando um maciço conto do vigário aplicado o tempo todo pelos governos — que, como viciados em drogas, não conseguem mais viver sem ele.

É o que acontece, entre tantos outros pecados exóticos, com a “publicidade oficial”. Qualquer cidadão sabe muito bem do que se trata ─ são esses anúncios que governantes de todos os níveis, da alta administração federal a remotas prefeituras do interior, pagam (com dinheiro do orçamento, é claro) para publicar em jornais e revistas, no rádio e na televisão. Dizem, ali, quanto são bondosos, eficazes e trabalhadores ─ e mostram as obras de seus governos, reais ou imaginárias, como se estivessem fazendo um imenso favor à população que pagou por elas.

A maioria dessa publicidade, para não dizer toda, trata o contribuinte como um perfeito bobo alegre, pronto a acreditar em qualquer coisa que lhe dizem. Ainda recentemente, em São Paulo, o cidadão podia ver na TV, pago com o seu dinheiro, um anúncio do governo do estado que começava com a imagem de uma vaca, filmada de ré; a câmera se deslocava, então, para mostrar o que deveria ser uma rija lavradora, entregue à sua labuta de tirar, às 5 da manhã, o leite nosso de todo dia. Mas o que aparece é uma graça de garota, com umas botas de cano alto que poderiam ter saído de uma loja Hermes, jeans de grife e sob a luz do meio-dia, com as mãos a distância segurando as tetas do bicho. Ela diz, aí, que sua grande alegria na vida é saber que o leite tirado com o seu trabalho é distribuído pelo governo para crianças pobres etc.

A única coisa real, no anúncio todo, é a vaca. Não há inocente aqui; todos os políticos, sem nenhuma exceção, fazem o mesmo quando estão no governo. Nesse assunto, ninguém critica ninguém, no conforto geral de saber que delitos coletivos nunca são realmente condenados. É assim que permanece viva, cada vez mais, a publicidade oficial ─ uma aberração só vista no Brasil. Dá para imaginar o governo da Itália, por exemplo, gastando fortunas na mídia para dizer “Itália ─ um país para todos”? Ou algo assim: “Prefeitura de Londres ─ antes não tinha, agora tem”? Não dá. O funcionário que sugerisse uma coisa dessas seria provavelmente encaminhado a uma instituição psiquiátrica.

Neste momento, com a campanha eleitoral, a coisa pega fogo. No ano passado, só o governo federal gastou mais de 3 bilhões de reais em “comunicação”, entre publicidade e patrocínios. Juntando a isso estados e prefeituras, o volume de gastos entra em mares nunca dantes navegados. Os políticos alegam que é pouco, diante do total de quase 90 bilhões aplicados no mercado publicitário brasileiro em 2011. Pode ser, mas o dinheiro não é deles ─ é do cidadão, e está sendo jogado no lixo para pagar os elogios que fazem a si próprios. Sua desculpa é que os governantes têm o dever de “informar a população” e “prestar contas” de como estão aplicando o orçamento. É uma piada. Não informam coisa nenhuma, e, na hora de prestar contas de verdade, fazem justamente o contrário: desligam a chave geral para deixar tudo o mais escuro possível.

Os órgãos de comunicação, sem dúvida, se beneficiam da publicidade oficial; nenhum deles é uma santa casa de misericórdia, e todos têm de pagar suas despesas. Mas a imprensa de verdade vive do apoio do seu público e dos anúncios privados que ele atrai, e não de verbas publicitárias do governo. Seu único mandamento, nessa história toda, é manter a própria independência. E os que não mantiverem? Problema deles. Veículos que, em troca de anúncios, só publicam o que interessa ao governo, e escondem tudo o que não interessa, têm de resolver isso com os seus leitores, ouvintes e espectadores; se eles desconfiarem que estão sendo enganados, podem ir embora.

O certo, no fim de todas as contas, é que o governo não deveria pagar um único tostão para a mídia publicar sua propaganda. Eis aí mais uma coisa que nos separa, por exemplo, de um país como a Alemanha, onde publicidade oficial não existe. É que a Alemanha, coitada, é apenas a Alemanha. Já o Brasil é o Brasil ─ aqui há dinheiro de sobra para o governo jogar pela janela. Somos um país onde a população é riquíssima. (GUZZO)

terça-feira, 1 de maio de 2012

A BRIGA DOS JUROS ALTOS!

O governo elevou o tom na briga contra os juros altos cobrados pelos bancos. A presidente Dilma Rousseff aproveitou um pronunciamento na noite de segunda-feira, em rede nacional de rádio e TV, para orientar os clientes a cobrarem "melhores condições" de financiamento.

No novo ataque do Palácio do Planalto contra o sistema financeiro nacional, Dilma classificou de "inadmissível" o custo dos empréstimos no Brasil e recomendou às instituições privadas seguirem o "bom exemplo" dos bancos estatais, que já fizeram pelo menos duas rodadas de corte de juros.

"É inadmissível que o Brasil, que tem um dos sistemas financeiros mais sólidos e lucrativos, continue com os juros mais altos do mundo", desabafou a presidente, em seu pronunciamento aos trabalhadores, em comemoração ao 1.º de maio.

Apesar de os maiores bancos privados terem anunciado cortes nos custos dos financiamentos por conta da pressão que o governo vem fazendo nas últimas semanas, Dilma deixou claro que há mais espaço para cortes e recomendou às instituições privadas que sigam o "bom exemplo" da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil, que já cortaram em pelos menos duas ocasiões as taxas de juros de várias linhas de empréstimo.

"A Caixa e o Banco do Brasil escolheram o caminho do bom exemplo e da saudável concorrência de mercado, provando que é possível baixar os juros cobrados dos seus clientes em empréstimos, cartões, cheque especial, inclusive no crédito consignado", afirmou Dilma. (fonte: Diário do grande abc)

segunda-feira, 30 de abril de 2012

BRIZOLA NETO! O NOVO MINISTRO DO TRABALHO DO GOVERNO DILMA! (mais um)

Na véspera do Dia do Trabalhador, a presidente Dilma  decidiu anunciar o nome do novo ministro do Trabalho. O deputado federal Brizola Neto (PDT-RJ) vai substituir Paulo Roberto Pinto, que ocupa o cargo há cinco meses como interino. A decisão foi tomada em reunião na manhã desta segunda-feira entre Dilma e o presidente do PDT, o ex-ministro Carlos Lupi.

O novo ministro, que está em Brasília, foi chamado às pressas ao Palácio do Planalto para ser comunicado da decisão. Brizola Neto disputava a indicação com outros dois nomes. O também deputado Vieira da Cunha (PDT-RS) tinha a preferência interna do partido, mas sofria forte resistência de Dilma e dos ministros palacianos, entre eles Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência. O outro nome, com menos chances, era do secretário-geral do PDT, Manoel Dias.

Dilma foi convencida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a não passar as comemorações do Dia do Trabalhador sem um nome definitivo à frente da pasta que cuida das políticas para o setor. Brizola Neto, 33 anos, é o mais novo ministro da Esplanada dos Ministérios. Filiado ao PDT desde 1997, é neto do ex-governador Leonel Brizola e foi vereador da cidade do Rio de Janeiro antes de ser eleito para o primeiro mandato como deputado federal, em 2006. (fonte Gustavo Cantois, Terra)

sexta-feira, 23 de março de 2012

TEMPO:

GENTE: DESCULPE-ME PELO TEMPO QUE ESTAMOS SEM ATUALIZAÇÃO... ESTAMOS EM UMA CORRERIA SÓ.... TRABALHO E FINAL DE CURSO.... EM BREVE ESTAREMOS ATUALIZANDO NOVAMENTE. OBRIGADO.

sábado, 25 de fevereiro de 2012

AO INOCENTE TELESPECTADOR DO BIG BROTHER BRASIL! (por Jhon Ferré)


Primeiro leia, reflita, tire suas conclusões e compartilhe com seus amigos!
Que me perdoem os ávidos telespectadores do Big Brother Brasil (BBB), produzido e organizado pela nossa distinta Rede Globo, mas conseguimos chegar ao fundo do poço. A nova edição do BBB é uma síntese do que há de pior na TV brasileira. Chega a s...er difícil encontrar as palavras adequadas para qualificar tamanho atentado à nossa modesta inteligência. Dizem que Roma, um dos maiores impérios que o mundo conheceu, teve seu fim marcado pela depravação dos valores morais do seu povo, principalmente pela banalização do sexo.

O BBB é a pura e suprema banalização do sexo e valores morais, com tamanho atentado à nossa modesta inteligência. Impossível assistir ver este programa ao lado dos filhos. Gays, lésbicas, heteros... Todos na mesma casa, a casa dos “heróis”, como são chamados por Pedro Bial. Não tenho nada contra gays, acho que cada um faz da vida o que quer, mas sou contra safadeza ao vivo na TV, seja entre homossexuais ou heterossexuais. O BBB é a realidade em busca do IBOPE. Veja como Pedro Bial tratou os participantes do BBB. Ele prometeu um “zoológico humano divertido”. Não sei se será divertido, mas parece bem variado na sua mistura de clichês e figuras típicas.

Pergunto-me, por exemplo, como um jornalista, documentarista e escritor como Pedro Bial que, faça-se justiça, cobriu a Queda do Muro de Berlim, se submete a ser apresentador de um programa desse nível. Em um e-mail que recebi há pouco tempo, Bial escreve maravilhosamente bem sobre a perda do humorista Bussunda referindo-se à pena de se morrer tão cedo. Eu gostaria de perguntar se ele não pensa que esse programa é a morte da cultura, de valores e princípios, da moral, da ética e da dignidade do brasileiro. Outro dia, durante o intervalo de uma programação da Globo, um outro repórter acéfalo do BBB disse que, para ganhar o prêmio de um milhão e meio de reais, um Big Brother tem um caminho árduo pela frente, chamando-os de heróis. ~ Caminho árduo? ~ Heróis? ~ São esses nossos exemplos de heróis? ~ Caminho árduo para mim é aquele percorrido por milhões de brasileiros, profissionais da saúde, professores da rede pública (aliás, todos os professores), carteiros, lixeiros e tantos outros trabalhadores incansáveis que, diariamente, passam horas exercendo suas funções com dedicação, competência e amor e quase sempre são mal remunerados.

Heróis são milhares de brasileiros que sequer tem um prato de comida por dia e um colchão decente para dormir, e conseguem sobreviver a isso todo dia. Heróis são crianças e adultos que lutam contra doenças complicadíssimas porque não tiveram chance de ter uma vida mais saudável e digna. Heróis são inúmeras pessoas, entidades sociais e beneficentes, ONGs, voluntários, igrejas e hospitais que se dedicam ao cuidado de carentes, doentes e necessitados (vamos lembrar de nossa eterna heroína Zilda Arns). Heróis são aqueles que, apesar de ganharem um salário mínimo, pagam suas contas, restando apenas dezesseis reais para alimentação, como mostrado em outra reportagem apresentada meses atrás pela própria Rede Globo.

O Big Brother Brasil não é um programa cultural, nem educativo, não acrescenta informações e conhecimentos intelectuais aos telespectadores, nem aos participantes, e não há qualquer outro estímulo como, por exemplo, o incentivo ao esporte, à música, à criatividade ou ao ensino de conceitos como valor, ética, trabalho e moral. São apenas pessoas que se prestam a comer, beber, tomar sol, fofocar, dormir e agir estupidamente para que, ao final do programa, o “escolhido” receba um milhão e meio de reais. E ai vem algum psicólogo de vanguarda e me diz que o BBB ajuda a "entender o comportamento humano". Ah, tenha dó!!! Veja o que está por de tra$$$$$$$$$ do BBB: José Neumani da Rádio Jovem Pan, fez um cálculo de que se vinte e nove milhões de pessoas ligarem a cada paredão, com o custo da ligação a trinta centavos, a Rede Globo e a Telefônica arrecadam oito milhões e setecentos mil reais. Já imaginaram quanto poderia ser feito com essa quantia se fosse dedicada a programas de inclusão social, moradia, alimentação, ensino e saúde de muitos brasileiros? (Poderia ser feito mais de 520 casas populares; ou comprar mais de 5.000 computadores) Essas palavras não são de revolta ou protesto, mas de vergonha e indignação, por ver tamanha aberração ter milhões de telespectadores.

Em vez de assistir ao BBB, que tal ler um livro, um poema de Mário Quintana ou de Neruda ou qualquer outra coisa..., ir ao cinema...., estudar... , ouvir boa música..., cuidar das flores e jardins... , telefonar para um amigo... , visitar os avós... , pescar..., brincar com as crianças... , namorar... ou simplesmente dormir. Assistir ao BBB é ajudar a Globo a ganhar rios de dinheiro e destruir famílias.

FONTE: Orkut, escrito por JHON FERRÉ

domingo, 19 de fevereiro de 2012

AÉCIO NEVES, FUTURO PRESIDENTE DO BRASIL!


Aécio Neves da Cunha (Belo Horizonte, 10 de março de 1960) é um economista e político brasileiro. Foi deputado federal pelo estado de Minas Gerais foi presidente da Câmara Federal do Brasil no biênio 2001-2002.

Em 2002, Aécio foi eleito governador de Minas Gerais no primeiro turno. Foi reeleito, em 2006, também no primeiro turno, com 77,27% dos votos válidos. Com a reeleição, Aécio Neves em 2008 tornou-se o segundo governador a permanecer mais tempo no Palácio da Liberdade, só sendo superado por Benedito Valadares.

É graduado em economia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Atuou na campanha de seu avô, Tancredo Neves, eleito governador de Minas em 1982. Quando o avô assumiu o cargo, convidou Aécio, então com 21 anos, para ser seu secretário particular. Em 1985, Tancredo Neves foi eleito presidente do Brasil de forma indireta, mas morreu, em 21 de abril, antes de tomar posse.

Representou Minas Gerais na Câmara dos Deputados por quatro mandatos. No primeiro quadriênio (1987-1991) participou da Assembleia Nacional Constituinte, na qual foi vice-presidente da Comissão da Soberania e dos Direitos e Garantias do Homem e da Mulher e propôs a emenda que instituiu o direito de voto aos dezesseis anos. No segundo mandato (1991-1995), votou a favor do impeachment do presidente Fernando Collor de Melo. Concorreu às eleições para prefeito de Belo Horizonte em 1992, mas o eleito foi Patrus Ananias. Em 1995, já no seu terceiro mandato (1994-1998) como deputado federal, foi eleito Presidente do PSDB mineiro. Em 1997, torna-se líder do partido na Câmara. Nas eleições de 1998, segundo o TSE, foi o deputado do PSDB mais votado no país.

Atuante e competente, um excelente nome pra o futuro de nosso Brasil, sempre com um olhar dinâmico e sério, um olhar juvenil, um olhar brilhante.

"HOJE AÉCIO É UM FUTURO NOME PARA A PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA."

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

BRASILEIROS NÃO VÊEM A HORA DE JANEIRO ACABAR! Menos Luíza...


Janeiro está indo em bora... O ano mal começou e já estamos no 23° dia do ano, e o que Janeiro vai deixar de lembranças em nossas mentes? adivinha...

Um reality show que repercutiu no mundo inteiro, nos principais jornais do mundo chamado MULHERES RICAS, que estreou no dia 2, obtendo uma ótima audiência para os padrões da emissora que apresenta, ficou entre os assuntos mais comentados na internet principalmente no twitter além dos principais jornais impressos do mundo como por exemplo o jornal inglês "The Guardian". Tem mais...

"MENOS LUÍZA" que está no Canadá, um bordão usado por milhares de internautas, uma frase que começou com um vídeo de publicidade na Paraíba quando seu pai que fazia o tal comercial falou: Estou aqui reunido com toda minha família, menos Luíza que está no Canadá... virou hit na internet e invadiu murais no Facebook, posts no Twitter, Tumblr e foi citada em shows de Lenine, Chiclete com Banana e Jorge Aragão. Lá vai outra...

ESTUPRO EM REDE NACIONAL no bbb 12, esse foi o pivô, não vou nem comentar esse tal fato que encheu os tele jornais de todas as emissoras, teve canal que fez até plantão nos programas das tardes... Por último...

A SUPER GRÁVIDA de Taubaté, Maria Verônica, pedagoga fingiu que estava grávida de quadrigêmias, o final foi trágico, agora os jornais que mostrava a super grávida antes como uma heroína, agora mostra como uma vilã de carteirinha, ela vai responder a processos judiciais pela farsa, a barriga da tal era de silicone e pano, estranho não?

É... Parece que Janeiro foi de muita ladainha nos tele jornais brasileiro, muitos querem até que passe logo, Menos Luíza...

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

BIG ESTUPRO BRASIL! Foi ou não foi?


Se foi estupro ou não não me interessa, muito menos quando se trata desse reality show, pois todos participantes sabem para que e o por que estão ali Se entram no jogo é para jogar, então cada um que faça seu jogo.

Primeiro, a participante que foi a "vítima" (entre aspas) não tem coerência no que fala, para polícia ela diz uma coisa, para produção da globo ela falou outra coisa. Então já está entrando em contradição, para justiça já está descartada.

Segundo, o vídeo que vi, posso até ter visto errado, ou analisado de uma forma diferente de quem queria prejudicar alguém, não percebi em momento nenhum estupro, pelo contrário, houve sim a relação sexual, porém ela sabia sim do que estava acontecendo, pode até ter bebido um pouco, mas que sabia, sabia.

Então amigos, o melhor é esquecer isso, temos problemas maiores para resolver na nossa vida, deixa a justiça entrar no caso, pois não existe julgamento melhor do que a da justiça não é? Vamos resolver o que é da nossa competência, por que se a globo a "toda poderosa" não tá nem ai, é porque ela só que ibope, comentários, pois quanto mais comentários melhor para ela. Por isso ela está nem aí, e porque vamos ficar?.

COMENTE!

sábado, 14 de janeiro de 2012

9 ANOS DE INADIMPLÊNCIA DOS BRASILEIROS E A INFLUÊNCIA DO PT!

Vi uma reportagem em um dos jornais da TV, que a inadimplência dos brasileiros bateu record nos últimos 9 anos.

Que coincidência não? NOS ÚLTIMOS NOVE ANOS, justamente na gestão do governo petista, oito ano de governo de LULA e mais um da nossa presidente DILMA.

O que quero falar é o seguinte: Por tanto insistir que os brasileiros consumissem, o governo Lula não visou as consequências, certo que a crise no país estava a porta, e em outros já tinham chegado; porem para o Brasil não parar de crescer economicamente e ele não ficar como culpado jogou a própria população a sorte. LULA saiu como bom, os brasileiros como "VELHACO".

Facilitou os juros em muitos produtos principalmente em eletrodoméstico, maneira de pagamentos atrativos, e o povão "tome" a comprar, o final é esse aí, o que adiantou? Muita inadimplência, juros sobre juros, e estamos aí, temos que pagar, a final compramos...

COMENTE!

domingo, 1 de janeiro de 2012

OBRIGADO PELA SUA AMIZADE!

Tô relendo minha vida, minha alma, meus amores Tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos. Não percebem o amor que lhes devoto e a absoluta necessidade que tenho deles. A amizade é um sentimento mais nobre do que o amor, eis que permite que o objeto dela se divida em outros afetos, enquanto o amor tem intrínseco o ciúme, que não admite a rivalidade. E eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos! Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos e o quanto minha vida depende de suas existências...
A alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem. Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida. Mas, porque não os procuro com assiduidade, não posso lhes dizer o quanto gosto deles. Eles não iriam acreditar.

TENHAM UM FELIZ 2012!