sábado, 1 de outubro de 2011

Brasil: Paz em Tempos de Crise!


A presidenta Dilma Rousseff disse que, pela segunda vez, uma crise financeira internacional atinge o mundo e, pela segunda vez, o Brasil "não treme". Dilma disse que o país está forte, com os bancos brasileiros sólidos, um mercado interno robusto e mais reserva de depósitos compulsórios do que na crise financeira mundial enfrentada em 2008.

"Demos passos muito grandes na direção de uma estabilidade. É a segunda vez que a crise afeta a mundo e pela segunda vez o Brasil não treme", disse em entrevista a jornalistas após reunião com o primeiro-ministro do Canadá, Stephen Harpe, em visita oficial ao Brasil.

Concordo plenamente com a presidente, mas, como o Brasil não estará forte se temos a maior taxa de imposto mundial!? Seria de uma certa forma incompreensível fazer-mos um estoque de bilhões e trilhões de dinheiro, de uma certa forma "sem necessidade", onde temos saúde e educação indo de água a baixo precisando de ajuda e ainda fazer com que o país entre numa crise financeira com tanto dinheiro guardado para beneficiar banqueiros e empresários.

Isso que falo não é somente dessa gestão presidencial, mas vem de oito anos mais atrás, seria muita incompetência, muita injustiça com a sociedade que já paga tão caro pelo plano SUS de saúde, e pela educação, entrar ainda em crise, seria o fim do Brasil.

Mas as águas estão baixando, só as águas, por que os impostos não, de certa forma estamos tranquilos e em paz mesmo com toda essa crise.